FAÇA UMA NOVA PESQUISA

Resultados da busca de jurisprudência 10 julgados encontrados

Não há que se falar em prescrição de fundo de direito nas ações em que se busca a concessão do benefício de pensão por morte

Origem: STJ

Não ocorre a prescrição do fundo de direito no pedido de concessão de pensão por morte, estando prescritas apenas as prestações vencidas no quinquênio que precedeu à propositura da ação. STJ. 1ª Seção. EREsp 1269726-MG, Rel. Min. Napoleão Nunes Maia Filho, julgado em 13/03/2019 (Info 644).

Acordo de divisão da pensão por morte não altera a ordem legal de beneficiários, mas autoriza desconto pela entidade de previdência

Origem: STJ

O acordo de partilha de pensão por morte, homologado judicialmente, não altera a ordem legal do pensionamento, podendo, todavia, impor ao órgão de previdência a obrigação de depositar parcela do benefício em favor do acordante que não figura como beneficiário perante a autarquia previdenciária. STJ. 2ª Turma. RMS 45817-RJ, Rel. Min. ...

O art. 11 da EC 20/98 não proibiu a percepção de pensão civil com pensão militar

Origem: STF

A CF/67 e a CF/88 (antes da EC 20/98) não proibiam que o militar reformado voltasse ao serviço público e, posteriormente, se aposentasse no cargo civil, acumulando os dois proventos. Ex: João foi reformado como Sargento do Exército em 1980. Voltou ao serviço público e se aposentou como servidor da ABIN (órgão público federal), concedida em ...

Condição de companheira pode ser provada mesmo sem sentença judicial

Origem: STF

Não constitui requisito legal para a concessão de pensão por morte à companheira que a união estável seja declarada judicialmente, mesmo que vigente formalmente o casamento. Assim, é possível o reconhecimento de união estável de pessoa casada que esteja comprovadamente separada judicialmente ou de fato, para fins de concessão de pensão por ...

Pensão por morte, paridade e integralidade

Origem: STF

Os pensionistas de servidor falecido posteriormente à EC 41/2003 terão direito à paridade e à integralidade? PARIDADE • Em regra, eles não têm direito à paridade com servidores em atividade; • Exceção: terão direito à paridade caso se enquadrem na regra de transição prevista no art. 3º da EC 47/2005. INTEGRALIDADE • Os ...

Adoção de descendente maior com o único objetivo de deixar pensão por morte não é válida

Origem: STF

Não é legítima a adoção de descendente maior de idade, sem a constatação de suporte moral ou econômico, com o fim de induzir o deferimento de benefício previdenciário. No caso concreto, militar reformado do Exército, antes de falecer, adotou sua própria neta, que na época tinha 41 anos de idade e era professora do ensino público estadual. ...

Pensão por morte e pessoa designada

Origem: STJ

Para fins de concessão da pensão por morte de servidor público federal, a designação do beneficiário nos assentos funcionais do servidor é prescindível se a vontade do instituidor em eleger o dependente como beneficiário da pensão houver sido comprovada por outros meios idôneos. STJ. 2ª Turma. REsp 1486261-SE, Rel. Min. Herman Benjamin, ...

Pensão por morte e menor sob guarda

Origem: STF

O menor que, na data do óbito do servidor, esteja sob a guarda deste último, tem direito à pensão temporária até completar 21 anos de idade (art. 217, II, "b" da Lei nº 8.112/90). Vale ressaltar que é irrelevante o fato de a guarda ser provisória ou definitiva. STF. 1ª Turma. MS 31687 AgR/DF, Rel. Min. Dias Toffoli, julgado em 11/3/2014 ...

Pensão por morte e surgimento de outro beneficiário

Origem: STJ

A viúva do servidor público federal tem direito à pensão vitalícia por morte (art. 217 da Lei 8.112/90). O filho menor de 21 anos do servidor falecido também tem direito à pensão temporária por morte. Se o servidor deixou viúva e filho menor, o valor da pensão por morte será dividido entre eles. No caso concreto, o servidor faleceu ...

Pensão por morte e filho inválido de servidor público federal

Origem: STJ

Não se exige prova de dependência econômica para a concessão de pensão por morte a filho inválido de servidor público federal. STJ. 2ª Turma. REsp 1440855-PB, Rel. Min. Humberto Martins, julgado em 3/4/2014 (Info 539).

Blog Dizer o Direito

Confira as últimas postagens no nosso blog.

INFORMATIVO Comentado 981 STF

Olá amigos do Dizer o Direito,Já está disponível o INFORMATIVO Comentado 981 STF.Bons estudos.ÍNDICE DO INFORMATIVO 981 DO STFDireito ConstitucionalCOMPETÊNCIA LEGISLATIVA É inconstitucional...
Leia mais >

INFORMATIVO Comentado 981 STF - Versão Resumida

Olá amigos do Dizer o Direito,Já está disponível o INFORMATIVO Comentado 981 STF - Versão Resumida.Bons estudos.
Leia mais >

É prescritível a pretensão de ressarcimento ao erário fundada em decisão do Tribunal de Contas?

Condenação proferida pelo Tribunal de ContasO Tribunal de Contas, constatando ilegalidade de despesa ou irregularidade de contas, poderá aplicar aos responsáveis as sanções previstas na lei...
Leia mais >